Comunidades

img1

As crianças foram apresentadas ao balé clássico com a entrada do Dançando nos morros do Cantagalo e Pavão-Pavãozinho, em 1995.

Graças ao patrocínio da Petrobras Distribuidora, desde 1997, o projeto vem expandindo para várias regiões do Rio de Janeiro.

 

 

 

 

 

 

 

      • 1995 – Pavão – Pavãozinho
      • 1995 – Cantagalo
      • 1996 – Rocinha
      • 1997 – Mangueira
      • 1998 – Chapéu Mangueira
      • 1999 – Babilônia
      • 2000 – Morro dos Macacos
      • 2001 – Morro do Jacarezinho
      • 2002 – Morro do Tuiuti
      • 2003 – Salgueiro
      • 2004 – Santa Marta
      • 2005 – Morro do Borel
      • 2006 – Oswaldo Cruz
      • 2007 – Pequena Cruzada
      • 2008 – Morro do São Carlos
      • 2009 – Morro da Mineira
      • 2010 – Escola de Balé das Comunidades (Sede no Centro)
      • 2011 – Escola Estadual Monteiro de Carvalho (Santa Teresa)
      • 2012 – Abrigo Casa Viva e Creche Aspa e Metodista
      • 2013 – Japeri, Morro do Telégrafo e Cerro-Corá
      • 2014 – Educandário São Cristóvão e São Carlos nas creches
      • 2015 – Escola Municipal Monteiro Lobato –  Duque de Caxias
      • 2016 – Escola Municipal Tia Ciata – Centro

Cantagalo e Pavão

Rocinha

Mangueira

Morro do Tuiutí

Morro do Jacarezinho

Chapéu Mangueira e Babilônia

Morro dos Macacos

Salgueiro

Morro Santa Marta

Aprovados para a
Escola de Dança do Teatro
Municipal Maria Olenewa

 

 

 

Estudando no Exterior

Três alunos na Alemanha.  Os meninos, Ronan e Luan, fazem especialização e Bárbara Melo
que foi contratada como primeira bailarina na Staatsthear Schwerin (Cia Estadual de Ballet Schwerin)

Nos Estados Unidos, Ingrid Silva se especializa na Dance Teather of Halen, em Nova Iorque.